Pular para o conteúdo

Salão do Automóvel: Eletrizante

Salão do Automóvel: Eletrizante

Expositores da maior feira de exposição de carros da América Latina apostam em lançamentos, veículos híbridos e, principalmente, elétricos

O sucesso veio, sem dúvida alguma! Não só pelos números gigantescos alcançados em praticamente todos os pontos, senão todos. Mas também pela qualidade, pelo pensamento nos futuros próximo e mais longínquo da indústria automobilística mundial e, claro, brasileira. O Salão Internacional do Automóvel de São Paulo foi uma experiência inspiradora para as cerca de 742 mil pessoas que visitaram o São Paulo Expo de 8 a 18 de novembro, na capital paulista, e milhares de outras que acompanharam o evento pela mídia.
Uma experiência que foi maior do que poder apreciar os mais de 540 veículos expostos – sendo 66 lançamentos – pelas marcas Audi, BMW, CAOA Chery, Chevrolet, Chrysler, Dodge, Ferrari, Fiat, Ford, Honda, Hyundai, Jeep, KIA, Lamborghini, Lexus, Lifan, Maserati, Mercedes-Benz, Mini, Mitsubishi, Nissan, Porsche, Renault, Rolls Royce, Subaru, Suzuki, Toyota, Troller e Volkswagen. Maior, sim, porque quem foi pode ver de perto o que vem por aí em veículos nos próximos anos e décadas.
Os veículos elétricos e híbridos – tendências mundiais – foram amplamente explorados pelas montadoras, incluindo os lançamentos Audi e-Tron, Chevrolet Bolt, novo Nissan Leaf e Renault Zoe. Assim como os modelos autônomos e, claro (isso já uma tradição), as supermáquinas repletas de esportividade e luxo. Na lista, Alfa Romeo 4C Launch Edition, Audi R8 Coupé, BMW Série 7, Ferrari California T, Lexus LC500h, Maserati Levante e Maserati Quattroporte, Nissan GT-R.
Vale ressaltar também a participação nada substancial, como tradicionalmente acontece, de fabricantes de autopeças e prestadores de serviço. Todos que estiveram lá foram com objetivo de enfatizar a parceria já existente com as montadoras e reforçar sua participação no aftermarket. Entre os poucos representantes do setor, vale ressaltar a participação de marcas como Bosch, Goodyear, Mangels, Militec, NGK, Petrobras, Pionner, Rodabrill, Scheneider Eletric, Texaco…
“Aideia foi trazer ao grande público a oportunidade de ver de perto alguns dos principais carros do planeta. Não podemos nos resumir a um evento de exposição de carros e, para isso, apostamos cada vez mais em experiências para o visitante. Mais de cem marcas prepararam diversas ações e o resultado final foi um evento repleto de experiências e interatividade. Foi a maior edição de nossa história” enfatizou Leandro Lara, diretor do Salão do Automóvel.
Chevrolet – exibiu 20 veículos. Entre as atrações, o 100% elétrico Bolt EV (foto) e o novo Camaro. O Bolt EV é o primeiro carro elétrico do mundo a combinar preço e autonomia semelhantes ao de um carro médio a combustão igualmente bem equipado. Ele é capaz de rodar, em média, 383 quilômetros com uma única carga das baterias – número superior a qualquer outro veículo de sua categoria. Já o novo Camaro, apareceu pela primeira vez em um evento fora dos Estados Unidos nas versões SS cupê e conversível com motor 6.2 V8 de 461 cv.
Fiat – com um portfólio renovado,levou 30 carros com modelos conceitos e consagrados em versões inéditas. Entre as novidades, o Fastback (foto), novo concept car que representa a evolução da marca e o lançamento da área Fiat Professional, conceito de incremento de serviços diferenciados para os clientes profissionais, como horário de atendimento estendido, troca imediata de peças e carro reserva. O serviço será oferecido no primeiro trimestre de 2019. Outra novidade foi a apresentaçãoda primeira concessionária digital do País, em São Paulo (SP).
Kia – Entre seus 14 lançamentos, a Kia Motors destacou o Stinger GT (foto), sedã esportivo que tem inúmeras evoluções tecnológicas, entre elas sua alta potência e velocidade que atinge 100 km/h em 4,9 segundos. As apostas sustentáveis ficam a cargo do Soul EV, Niro Hybrid e Optima Hybrid, todos produtos de alta tecnologia. A montadora evolui a cada ano no Brasil: cresceu 42% em relação ao ano de 2017. Com os números favoráveis, pretende importar mais 20 mil unidades para o solo brasileiro em 2019.
Jeep- A Jeep investiu em duas novidades da categoria SUV’s para essa edição do Salão do Automóvel: Wrangler (foto) e o novo Cherokee. Os lançamentos contam com o inédito motor turbo 2.0, 272 cv e oito marchas. Outra modernidade do Cherokee é o seu interior redesenhado e atualizado com hub de conectividade, liberando mais espaço para o porta objetos. O Wrangler estará disponível no primeiro semestre de 2019, enquanto o Cherokee é a aposta da montadora para a possível volta da linha ao Brasil.
Ford – com dois modelos que representam a inovação da montadora, a Ford trouxe para o Salão duas novidades que tem a tecnologia como maior pilar. O Edge ST 2019 é o primeiro SUV da marca que possui a exclusividade da grife “Sport Technologies”, investida em alto desempenho e esportividade que refletem em segurança e conectividade. Tambémapresentou o EcoSport Titanium, para renovação da linha. Destaque maior para modelos da linha do muscle car e sonho de consumo Mustang (foto).
Volkswagen – a marca apresentou o primeiro híbrido que será lançado no País, o Golf GTE (foto). O modelo chega ao mercado brasileiro em 2019, após passar por severos testes de adaptação às condições nacionais. A Volkswagen tambémapostou no T-Cross, modelo que faz parte da estratégia da empresa de oferecer veículos globais com características específicas para atender às necessidades locais de cada região. Ele é o primeiro SUV produzido em São José dos Pinhais (PR) e será lançado ainda no primeiro semestre de 2019.
Audi – mostrou linha renovada de produtos. Até o final de 2019, 13 novos modelos, entre reestilizações, novas gerações e inéditos estarão nas concessionárias da marca. A Audi anunciou que o novo Audi e-tron (foto), primeiro carro totalmente elétrico da marca, está confirmado para o Brasil e chegará às lojas no segundo semestre do ano que vem. Também entre os destaques estavam os três modelos mais luxuosos da família A: A6, A7 e A8. As novas gerações dos veículos estão mais modernas e repletas de tecnologia embarcada.
Toyota – apresentou modelos futuristas e inovadores. Entre eles, o Concept-i, protótipo de veículos equipados com inteligência artificial. Também mostrou o Yaris X Way (foto), que estará no Brasil a partir de 2019, e a Hilux GR, primeiro modelo disponível da GAZOO Racing no País, edição limitada com 420 unidades, que vem com um diferencial no conjunto de suspensão, o que garante mais esportividade. A Toyota dividiu seu estandeem temas: Futuro da Mobilidade, Tecnologia Híbrida, GAZOO Racing e Mais Toyota.
Mercedes-Benz – apresentou novidades futuristas. Entre elas, o Concept EQ, que antecipa a nova geração de veículos 100% elétricos. Na linha de SUV, destaque para o Mercedes-AMG GLC 63 4MATIC+ (foto). Com frente marcante e linhas suaves, possui abrangente conjunto de equipamentos de segurança e tração. Já o AMG ONE coloca os motores das pistas da Fórmula 1 nas ruas das cidades. É impulsionado por uma unidade inteligente composta por um motor V6 turbo e quatro motores elétricos que giram a até 50 mil rpm.

Honda – para esta edição do Salãodo Automóvel, apostou em experiências imersivas em seus carros. Focada em segurança, qualidade e tecnologia,apresentou modelos como o utilitário-esportivo HRV 2019, que está mais completo e tecnológico. Outro destaque foi o HRV Touring (foto), com motor 1.5 turbo e que proporciona mais sofisticação e conforto. Sucesso global, o Honda Accord foi o modelo top de linha da marca mostrado. Ele traz todo o refinamento da empresa com câmbio de dez marchas.
Nissan – o grande destaque da montadora foi o Leaf (foto), que chegou em sua nova versão mais conectado, com maior autonomia, potência e desempenho. O modelo foi totalmente reinventado para oferecer mais dinamismo, além de incorporar tecnologias avançadas. O Nissan LEAF é o ícone da Nissan Intelligent Mobility, visão da marca que busca transformar a maneira na qual os veículos são conduzidos, impulsionados e integrados na sociedade, para atingir um futuro com zero emissão e zero acidente.
Renault – abriu a venda de seu modelo elétrico mais vendido na Europa para o consumidor brasileiro, o Renault Zoe (foto), até então comercializado para empresas envolvidas em projetos de mobilidade zero emissão. Cem por cento elétrico, a novidade rende até 300 km de autonomia e chega ao Brasil com o valor de R$ 149 mil. Mais uma novidade foi o Symbioz. O destaque está no novo design e no conceito de mobilidade do futuro, pois a Renault desenvolve seus modelos sempre pensando no ecossistema do mundo.
BMW – levou dois inéditos para o Brasil: Série 8 Coupé e o novo X5 (foto). O primeiro investe em avançados termos de tecnologias de comando e controles, assistência à condução e conectividade, motor V8 à gasolina de 350 ca de potência e velocidade máxima de 250 km/h.Já a linha X5, chegou repaginada. É uma pioneira aprimorada com as mais recentes tecnologias: 400 cv de potência, quadriturbo, movido a diesel e velocidade de 250 km/h. O conjunto motriz agrega transmissão automática esportiva Steptronic, de oito marchas.
Porsche – a fabricante alemã apresentou dois lançamentos: o novo Porsche Macan e o superesportivo Porsche 911 GT3 RS (foto), além de outros modelos da marca como Novo Cayenne Turbo, 718 Boxster GTS, 911 Carerra T, entre outros. Com mais de 350 mil unidades vendidas em todo o mundo desde o seu lançamento, em 2014, o Novo Macan chega ao Brasil com adaptações no design e maior conectividade. Ele inaugura um visual ainda mais esportivo e moderno, com detalhes que se alinham ao Porsche 911.
Hyundai – trouxe como novidade tecnologias na mobilidade com automóveis sustentáveis e classificados como verde, que tem desempenho híbrido e que usa combustível e eletricidade. O destaque foi o Ioniq (foto), elétrico que tem três opções: elétrica, híbrida e híbrida plug-in, com faróis em LED, desenvolvido para uma mobilidade limpa e com conexão inteligente. Outra novidade foi o novo HB20 Motorsport, inspirado nos carros de corrida grid, com motor 1.6, câmbio manual, suspensões dianteiras e traseiras e rodas com 15”.
CAOA Chery – fez sua estreia no Salão do Automóvel com a apresentaçãode três novos veículos: o sedan Arrizo 5 – motor 1.5L Turbo Flex e uma lista de conteúdo extensa de itens tecnológicos – e os SUVs Tiggo 5X e o Tiggo 7, ambos com moderno motor Turbo Flex. Os lançamentos reforçam a estratégia agressiva da empresa, marcada pela oferta de modelos nacionais nos mais variados segmentos. Destaque também no estande da CAOA Chery para show-cars Tiggo 8, eQ1, Arrizo 5e (foto), Tiggo 2e, e eQ.
Suzuki – apresentou o Jimny Sierra (foto), a mais nova versão deste SUV compacto que reúne milhões de fãs em todo o mundo. Um veículo que chega para se juntar aos demais modelos,produzidos na planta de Catalão (GO). Ele teve a carroceria desenhada, para expressar a funcionalidade off-road. Soma-se o chassi heavy duty e o moderno sistema de tração 4×4 AllGrip PRO com função LSD. O interior prioriza a praticidade, com materiais de fácil limpeza, e controles simples de operar mesmo em condição extremas.
Mitsubishi – o Salão marcou a estreia dos SUVs Pajero Sport (foto) e Eclipse Cross, além da apresentaçãode toda a gama de produtos da marca. O Pajero Sport é equipado com motor turbodiesel de 2.4L, tração Super Select 4WD-II, capaz de enfrentar as mais desafiadoras situações.Já o Eclipse Cross, chega para completar a família ao lado do ASX e do Outlander, L200 Triton Sport, Outlander (SUV elegante e repleto de tecnologia que une esportividade com sofisticação, 4×4 e muito conforto), entre outros destaques.
Lexus – amontadora premium japonesa anunciou que toda a sua linha vendida no Brasil passa a ter motorização exclusivamente híbrida. A marca apresentou o sedã ES 300, que já chega em dezembro, a partir de R$ 239.990. Outro modelo que desembarcará no País em breve é o UX 250h (foto). Este SUV de luxo combina motor 2.0 a gasolina com outro elétrico, que, juntos, totalizam 181cv de potência. Serão três versões para o consumidor brasileiro: Dynamic, Luxoury e F-Spor, ainda sem preços definidos.
Subaru – apostou neste Salão do Automóvel no novo esportivo WRX STI, que agora vem de série com câmbio manual de seis velocidades. Outra novidade da fabricante japonesa foi a novíssima geração do Subaru XV (foto), com versões L e S, que trazem diversos recursos tecnológicos. Com 150 cv de potência e novo câmbio de sete velocidade, ele está sete quilos mais leve. A marca também apresentou o utilitário-esportivo Forester com três versões (L, S e XT) e motor 2.0 litros com 160 cv.